Drenagem Linfática
logo_espaco_corpo_vital

Rua Dr. Cardos de Almeida, 623 - Centro

Botucatu/SP  Tel: (14) 3814 7695 / 9776 3258

 

drenagemA drenagem linfática é uma técnica manual criada em 1936 e posteriormente aperfeiçoada tornando-se popular.

 

Quando feita por profissionais qualificados, tem o objetivo de ativar a circulação e eliminar as toxinas e impurezas do organismo através dos gânglios linfáticos. Muitas vezes, esses gânglios se fecham, como se estivessem “entupidos”. A drenagem linfática faz com que os gânglios voltem a funcionar normalmente e consigam eliminar as impurezas e o excesso de líquido nos interstícios das células.

 

Além de um sistema de vasos sanguíneos o nosso corpo possui um sistema de vasos linfáticos. No sistema linfático estão os linfonodos, que é aonde ficam concentradas as células de defesa do organismo, estas combatem os agentes que causam doenças.

 

O líquido intersticial junta-se às toxinas liberadas pelas células, tanto como os micro-organismos que causam doenças (como vírus e bactérias), e se forma a linfa, que vai então ser absorvida nos vasos linfáticos. Esta linfa é a responsável pelo acúmulo de água e de gordura , ajudando a criar pernas cansadas, cansaço, dores nas pernas, celulite, problemas musculares e articulares, bem como muitos outros problemas, o que se refletirá em todo o corpo e no bem-estar geral.


Quando esse líquido se acumula causa inchaço (edema) impedindo a limpeza adequada do organismo. Ele pode se acumular por diversos motivos, por exemplo, a quantidade de sangue pode aumentar (como ocorre na gravidez), ou pode haver uma maior produção de líquido local o que ocorre nos inchaços causados por inflamação, assim como os edemas pós-traumáticos como os que aparecem quando se faz uma fratura e em processos inflamatórios pós-cirúrgicos, o edema do braço depois de uma mastectomia, pós lipoaspiração, entre outros.

 

Indicações
drenagem1
É indicada para os casos onde há retenção de líquido no corpo, ajuda na reabsorção de hematomas, melhora a oxigenação da pele, melhora a má circulação e varizes, em gestantes alivia dores nas pernas e a sensação de peso.

 

É usada como complemento para os tratamentos de emagrecimento e celulite pois aumenta o grau de hidratação e nutrição da célula, retarda o envelhecimento cutâneo, também funciona muito bem para evitar processos fibróticos nos pós-cirúrgicos, como plásticas e lipoaspiração, melhora do retorno de sensibilidade em cirurgias plásticas.

A drenagem linfática costuma ser muito indicada na gestação. Ela é considerada o melhor tratamento para grávidas já que a retenção de líquido aumenta muito nessa fase da vida da mulher, isso porque para dar conta do feto o volume sanguíneo da mãe aumenta entre 30% a 50% facilitando que uma parcela maior transborde nos capilares e vire inchaço.

Os movimentos da massagem são suaves e lentos, e seguem o trajeto dos vasos linfáticos, o que melhora as funções essenciais do sistema venoso e linfático já que a linfa corre na superfície da pele e seu fluxo é relativamente lento. A principal finalidade é mobilizar a corrente de líquidos que está dentro dos vasos linfáticos com objetivo de movimentar a linfa em direção aos gânglios. A estagnação dos gânglios linfáticos também pode causar dor, desconforto e corpo inchado.
A massagem estimula o processo imunológico aumentando a produção de linfócitos, que tem um papel regenerador para os tecidos. Este fenômeno foi observado em úlceras varicosas, osteoporoses, enxertos de órgãos e celulites.

A drenagem linfática deve ser exclusivamente manual, não é recomendado fazê-la com ajuda de aparelho de endermologia, com o intuito de intensificar a massagem, porque só manualmente se consegue respeitar a fisiologia do sistema linfático fazendo com que a drenagem seja eficaz. Não há a necessidade de manobras que provoquem dor ou desconforto. Se você sair com manchas roxas depois de uma sessão de drenagem linfática alguma coisa está errada. Quando aplicada de forma muito vigorosa pode romper os vasos. Se mal aplicada a drenagem linfática pode causar danos aos vasos linfáticos e ao tecido conjuntivo; se eles rompem, mais líquido é extravasado e o problema piora, e ainda causa flacidez da pele.

Por isso, o principal risco da drenagem linfática é que hoje ela pode ser encontrada em qualquer lugar por qualquer preço. Então desconfie dos preços muito baratos e procure um profissional qualificado.

A drenagem linfática manual exerce uma ação sedante, tranquilizante e relaxante. Também é comum sentir vontade de urinar com mais frequência após a sessão, e este é um sinal que a drenagem linfática foi bem feita, pois estimula o funcionamento dos rins e todos os detritos acabam sendo eliminados naturalmente através da urina. Devemos sempre fazer drenagem linfática para uma boa qualidade de vida, pois além de todas as indicações já citadas, ajuda a combater o stress, proporciona regeneração e defesa dos tecidos, aumenta a eliminação de toxinas por diurese em até 24 horas.

Contraindicações

A drenagem linfática somente possui contraindicação absoluta em casos de trombose venosa profunda e quando existe a suspeita ou se está em tratamento do câncer. Pessoas cardíacas ou com a pressão alta possuem contraindicações relativas, salvo quando controladas por medicamentos. Também em caso de febre, inflamações e infecções agudas.

Portanto fica bem claro que a drenagem linfática não emagrece. Isso quer dizer que não se perde gordura através da massagem. Mas se o corpo está muito inchado, aí sim pode haver uma redução das medidas. O que acontece é que, em áreas do corpo que estão propensas ao acúmulo de gordura, como abdômen, coxas e culotes, como ativa o metabolismo, favorece a queima dos estoques de gordura no corpo.

Já se o problema for celulite (causada por alterações no tecido gorduroso sob a pele, em conjunto com alterações na microcirculação e consequente aumento do tecido fibroso) a drenagem linfática funciona como uma técnica preventiva já que a celulite começam com um processo de retenção de líquido que acarreta má oxigenação do tecido. Sem a devida nutrição, ele endurece até formar os nódulos. A drenagem quebra esse ciclo eliminando a retenção de líquido.

 

Agende sua avaliação com a fisioterapeuta.

Our website is protected by DMC Firewall!